Facebook Uniodonto Santa Catarina    Instagram Uniodonto Santa Catarina

Notícias

Crianças podem ter placa bacteriana?


28/05/2018

A placa bacteriana, quando acumulada nos dentes, pode causar o tártaro e desencadear diversas doenças bucais. Infelizmente, ela não escolhe a idade do paciente, podendo ocorrer em qualquer fase da vida, até mesmo na infância.

A principal maneira de evitar o problema é através do uso correto do fio dental e da escovação. Uma das principais dicas aqui é que os pais acompanhem a forma como seus filhos estão escovando seus dentes para, assim, orientá-los a executar de maneira correta a limpeza bucal.

Quando a placa já está instalada

Quando a placa bacteriana já estiver instalada na cavidade bucal, o melhor a se fazer é levar a criança ao dentista, para a remoção. Uma limpeza dos dentes feita por um profissional é o mais indicado. Outros cuidados básicos, como uma escova ideal, usar fio dental e manter a escovação regular são recomendados.

A presença da placa bacteriana na dentição infantil pode acabar gerando algumas complicações na saúde bucal. Quando não eliminada ela pode levar a diversos problemas como cárie e mau hálito. Por isso é fundamental prevenir que essas doenças se desenvolvam.

Crianças devem aprender sobre saúde bucal desde cedo

Ao cuidar desde cedo dos dentes da criança, estimulando-a à correta higienização já nos primeiros anos de vida, também está se buscando um futuro mais saudável para ela. E a questão não para por aí. Além do fator preventivo, tratar os dentes desde a primeira infância possibilita eliminar um dos grandes obstáculos encontrados ainda hoje: o “medo de dentista” na vida adulta.

Ao transformar os cuidados com a saúde bucal numa experiência agradável para a criança, o odontopediatra contribui para que ela cresça cuidando bem dos dentes e se alimente corretamente – o que resultará num adulto com boa saúde bucal, baixa incidência de cárie e outros problemas resultantes da falta de cuidados e escovação apropriada.

Ao menor sinal de ranger de dentes, estalar de mandíbula ou permanecer tempo demais com a boca aberta, vale a pena buscar ajuda especializada. Como as crianças costumam adquirir os mesmos hábitos que os adultos, seu comportamento deve ser constantemente avaliado pelo odontopediatra para checar se o excesso de preocupação e estresse não está impactando a formação e saúde dos dentes.

A frequência de visitas deve ser a mesma do adulto: duas vezes ao ano para garantir um sorriso saudável e bonito!

Quero saber mais sobre os planos odontológicos da Uniodonto, clique aqui.

Sedes em Blumenau e Criciúma- Escritórios em Joinville - Itajaí - Rio do Sul - Chapecó - Florianópolis

Copyright 2013 - Uniodonto SC - Rua Vitória, 123 - Bairro Centro - Blumenau - Santa Catarina - CEP: 89010-250 - Fone / Fax: (47) 3037-8000
Responsável Técnico Uniodonto Federação (CRO-SC-EPAO-630) - Dr. Marcos Adolf Prinz (CRO-SC 2387)
Responsável Técnico Uniodonto Administradora (CRO-SC-EPAO-327) Dr. Beato Ari Stingelin - (CRO-SC-558)